Adeus time dos solteiros !

Eu não me importava mais, já tinha me conformado que nessa vida eu iria fazer carreira solo.
Estava até gostando do status de solteira para sempre, já tinha o nome dos meus sete cachorros e das plantinhas que iam me fazer companhia no futuro.
Eu já tinha um plano, e nesses planos eu já não me via com ninguém.
Mas você chegou.
Eu estava sem esperança de achar um amor, mas a vida tem dessas surpresas e meu caminho com o teu cruzou.
Descobri assim a melhor versão de quem eu sou do teu lado.
Desculpa, mas eu não vou embora tão cedo.
É que eu encontrei o lugar perfeito no teu abraço.
E encontrei sem procurar, o bom do amor é que ele não dá aviso ao chegar e assim nem deu tempo de tentar fugir, pois quando eu dei por mim já estava completamente apaixonada por ti.
Tudo que eu falo é clichê e até brega demais, mas eu não me importo de ser clichê e brega se for do teu lado.
Contigo pela primeira vez eu gosto de fazer parte do casalzinho bobo, aquele que diz que tá com saudade no momento seguinte da despedida, que odeia a partida e que espera ansioso o reencontro.
Eu gosto de sentir o frio na barriga ao te ver, eu gosto do arrepio que toma conta de todas as partes do meu corpo quando você me toca.
Eu gosto do jeito que tu lê minha alma e gosto mais ainda quando tu me decifra só com um olhar.
A vida me trouxe um presente que eu nem sei se mereço, mas para tentar retribuir estou disposta a te fazer feliz, pois quero te ver sorrindo já que nos últimos tempos a tua gargalhada tem sido o meu som favorito.
Eu passarei tranquila a vida inteira só ouvindo e vendo teu sorriso.
Espero que seja recíproco porque meu coração agora não pertence só a mim, cuida bem dele, porque uma parte do meu coração agora mora contigo.

Mulher, negra, LGBT // Escrevo sobre amor para aliviar a alma. Escrevo sobre a dor para tentar curá-la. Escrevo sobre a realidade para tentar mudá-la.

Mulher, negra, LGBT // Escrevo sobre amor para aliviar a alma. Escrevo sobre a dor para tentar curá-la. Escrevo sobre a realidade para tentar mudá-la.